A pretensão da Pólis

Porque todo aquele que, se intitulando ente “politizado” se arvora a ter soluções para uma sociedade , ou é político, ou seja, profissional da presdigitação, da empulhação e do ilusionismo , ou é bandido, querendo álibi e perdão nas brechas da lei esponjosa de uma sociedade esburacada , ou é o “famoso útil” a uma “causa justa”, querendo aparecer por motivação extra-talentos, marqueteiro sem escrúpulos posando de idealista, vendendo seu peixe podre como produto de luxo.
E porque as três coisas se confundem….

Ou melhor, ( ou pior ) porque o ser político é intrínsecamente um enganado enganador. E que até acredita na sua Divina Comédia Humana !

Viva o ser humano que tem os pés no chão, carregando a História Real no lombo do seu anônimo dia-a-dia !